Livros

Então você quer aprender física, pois bem. No começo de meu treinamento, cacei duramente os melhores livros de cada matéria para poder ter sucesso em minha empreitada, dedico este espaço a poupar este trabalho de quem pensa em começar essa jornada, listando o melhor material que conheço de cada área da física. Com o apoio de algum amigo matemático, logo amplio essa lista para os livros dessa disciplina.

Coloco as áreas da física na ordem em que você deve aprendê-las, que coincide bastante com a ordem histórica, mas que não representa muito as interconexões entre as áreas. Todo bom físico deve saber todas essas áreas, porque o universo não se divide nelas e qualquer problema da realidade vai envolver mais de uma.

Navegando nesses livros, percebi que textos da mesma matéria poderiam ter níveis bem diferentes. Como de costume, divido os livros em três níveis, I, II e III; sendo I para ler quando você não sabe absolutamente nada da matéria, II para quando já viu alguma coisa e III para quando você já sabe a matéria. Parece inútil recomendar um livro para quem já sabe a matéria, mas em geral esses textos são excepcionais para você relembrar ou aprofundar conceitos.

Aviso também que todos esses livros são de física aprendida no ensino superior, nada de ensino médio. Ainda, se você está tranquilo com a física do ensino médio e quer navegar em águas mais profundas, não hesite, tome algum deles nas mãos e divirta-se.

Mecânica Clássica:

A mecânica é dividida em duas partes: newtoniana e lagrangiana, sendo essa última uma generalização bonita e impressionante da primeira, deve ser, portanto, aprendida depois.

  • Curso de Física Básica vol. 1, Moysés Nussenzveig, nível I. Esse é o primeiro contato com física de faculdade que temos. O livro é bom, tranquilo e os exercícios são interessantes. Apenas mecânica newtoniana.
  • The Feynman Lectures on Physics, vol 1, Richard Feynman, nível I. Este não é um livro para se estudar para passar na prova, ele é um livro para ser feliz. Com matemática leve, este texto esclarece com metáforas únicas diversos conceitos da física básica que moldarão a concepção do aluno dos fundamentos da mecânica e da própria física.
  • Mecânica Analítica, Nivaldo Lemos, nível II. Sem disputa, o melhor texto de introdução à mecânica lagrangiana escrito em português. Leve, cobre o conteúdo necessário e não decepciona nos exercícios.
  • Mathematical Methods of Classical Mechanics, V. I. Arnold, nível III. Um livro extremamente completo e denso. Se achou que algum tópico ficou impreciso nos livros anteriores, esse livro é a cura e o veneno. Possui matemática extremamente pesada, mas é uma releitura refrescante da mecânica depois de conhecidos alguns fundamentos da geometria diferencial.
  • Mechanics, Lev Landau, nível III. A coleção de física teórica do Landau é a mais completa, densa e concisa coletânea de textos de física. Seu nível é alto e jamais deve servir de primeira leitura para nada, mas aprofunda e apresenta a matéria de maneira única.

Termodinâmica:

  • Thermodynamics and an Introduction to Themostatistics, Herbert Callen, nível I. É o melhor livro de introdução a termodinâmica que conheço, recomendo-o sem reservas. A parte de física estatística no final deixa um pouco a desejar.

Eletromagnetismo:

  • Introduction to electrodynamics, David Griffiths, nível I. Esqueça o livro do Moysés nessa matéria, o volume 3 da coleção não é bom, atenha-se a esse divertido e completo texto de introdução ao eletromagnetismo.
  • Classical Electrodynamics, J. D. Jackson, nível III. Um texto extremamente completo com exercícios dignos do nível que atribuí ao livro. É a grande referência nessa área, mas pesado demais para uma primeira, ou segunda leitura. Algumas soluções de seus exercícios podem ser encontradas aqui.

Mecânica Quântica:

  • Introduction to Quantum Mechanics, David Griffiths, nível I. Há controvérsias, mas julgo este livro o melhor texto introdutório do assunto. Se falta conteúdo ou profundidade, atribuo à palavra “introdutório”, não leia este livro esperando aprender toda a matéria, mas leia esperando aprender a matéria.
  • Modern Quantum Mechanics, Sakurai, nível II. Mais avançado e completo, esse é um texto um pouco mais interessante e com exemplos mais trabalhados que o Griffiths.
  • Quantum Mechanics, Lev Landau, nível II. O início de cada capítulo é extremamente esclarecedor e apresenta o essencial de cada conceito, extremamente recomendado.
  • The Feynman Lectures on Physics, vol III, Richard Feynman, nível I. Apesar de não exigir muito em matemática, recomendo este texto como uma abordagem alternativa à quântica, a ser lido apenas por quem já cobriu o essencial nessa disciplina.

Física Estatística:

  • Introdução à física estatística, Sílvio Salinas, nível I. A melhor opção em português para essa matéria, em alguns aspectos melhor que o Reif por ir direto ao ponto. Se puder, prefira a edição em inglês dele, pela Springer, já que a pessoa da EDUSP encarregada de editá-lo em português estava sob a influência de entorpecentes quando cuidou deste livro.
  • Fundamentals of statistical and thermal physics, F. Reif, nível I. A recomendação canônica de livro introdutório dessa matéria, e faz por merecer.
  • Statistical Physics vol 1, Lev Landau, nível II. Se você já conhece um pouco mais dessa matéria, um mergulho nesse texto é extremamente esclarecedor nos conceitos que os introdutórios deixam a desejar.

Física-Matemática:

  • Curso de Física-MatemáticaJoão Carlos Barata, nível I, II e III. São 2008 páginas (atualmente) de tópicos matemáticos em física, um material extremamente completo e denso. A diversidade de níveis é coerente com a diversidade de tópicos.

11 ideias sobre “Livros

  1. gabriel

    Vale lembrar que o Nivaldo é a cópia descarada do Goldstein! Então se vc pode ler em Inglês sugiro que leia o original

    Responder
  2. Alessandro Takeshi

    Áreas relacionadas à Física:

    Cálculo: Differential and Integral Calculus, do Piskunov: uma bíblia do cálculo, tudo o que você terá na graduação resumido. Serve bem de referencia, claro que na hora de fazer os cursos de cálculo o Apostol e tal podem ser mais apropriados

    Álgebra Linear: o livro do Elon, de mesmo nome, e os exercícios resolvidos no livro do Ralph Costa, que complementa o livro do Elon. Um curso completo de álgebra linear.

    Relatividade Geral (meu favorito): eu usei o Short Course in General Relativity, uma cópia descarada do livro do Dirac sobre relatividade, mas que introduz os conceitos de forma muuuito clara prum aluno não familiarizado com geometria diferencial, com exercícios de sobra resolvidos. Daí, avançar pra um Spacetime and Geometry do Carroll, que é mais adulto, e engloba melhor a matemática (eu gosto bastante do tratamento dele da parte de curvatura); por fim, um texto maduro é o General Relativity do Wald, sem mais.

    PS: eu também gosto do Nivaldo!

    Responder
  3. Rafael

    Álgebra Linear:
    - Hoffman e Kunze: o melhor disparado.
    - Caliolli: se você quer usar Álgebra Linear mais como um meio que um fim em si mesma.
    - Elon: é um clássico... mas trata apenas do corpo dos Reais.

    Cálculo Diferencial e Integral:
    - Tom Apostol, Richard Courant, George Thomas e George Simmons: geralmente eu não colocaria os Georges numa mesma frase que os dois primeiros, mas são os melhorer livro-texto em português. Se você faz Física Thomas e Simmons dão conta do recado, necessitando alguns adendos em EDOs e Complexas, mas pra quem quer SABER MATEMÁTICA, Apostol na veia. Courant leva a vantagem de apresentar um capítulo dedicado às Variáveis Complexas. Esqueça Stewart, Howard Anton e outros livros-texto medíocres, tanto pra você que faz Física ou, principalmente, se tu faz Matemática.
    - Iezzi, Murakami e Machado: Fundamentos de Matemática Elementar vol.8 -> Texto introdutório muito bom e, de minha parte, acho mesmo estranho falarem pouco desse livro. Metade do seu curso de Cálculo I é bem fundamentado aqui.
    - Guidorizzi: Leitura interessante, bem claro e conciso. Trabalha aplicações. Sugiro para estudantes de Engenharia ou mesmo de Física.

    Ainda passo para mandar uma lista sobre EDOs e EDPs, e quem sabe Análise.
    Parabéns pelo site.

    Responder
  4. Samuel Brum Martins

    Alguma recomendação para ondas e óptica? Estou pensando em usar o Moysés, mas se houvesse algo diferente também seria interessante.

    Responder
  5. Hediomayra do Nascimento Cavalcante

    No ensino médio não tive problemas com física, embora eu ache que nós da rede publica estudemos o resumo do resumo (fiquei revoltada varias vezes por um professor nem ao menos sitar alguns estudiosos e seus feitos). Estudo informática mas sou dotada de uma curiosidade quase incontrolável, bom acho que tenho muita tinta de caneta para gastar e muitas horas de estudos pela frente, acho que por enquanto minha maior pedra e o inglês mas em contrapartida já favoritei esta página para alimentar ou quem sabe achar respostas para o meu lado cético de ser.

    Responder
  6. Anônimo

    A coleção Alonso-Finn também vale muito... principalmente porque eles te acostumam com ideias fundamentais desde pequeno no volume 1!
    A necessidade de uma teoria satisfazer as transformações de lorentz(apresentadas suavemente, claro), as incompletudes da teoria clássica e etc.
    Um abraço, futuro dotô! haha

    Responder
  7. Wanderson Ferreira

    Esqueceu de mencionar o livro de Cohen-Tannoudji, bastante abrangente e claro, um clássico da mecânica quântica.

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *